Procurando...

Todos nós nascemos equipados para aprender um idioma. Algumas pessoas demoram mais para aprender, mas em algum momento elas aprendem. Nós temos diferentes tipos de inteligência, um bom professor vai assegurar-se de que o método utilizado dê, a todos os tipos de aprendizes, as chances necessárias de aprender do seu jeito próprio. Algumas pessoas são do tipo visual verbal (aprendem lendo), algumas são do tipo não-verbal/pictórico (aprendem melhor a partir de diagramas e fluxogramas, imagens), algumas são auditivas (aprendem ouvindo), algumas são cinestésicas (aprendem fazendo), essas pessoas têm que fazer alguma coisa enquanto estão estudando, pode ser um desenho ou fazendo anotações. Na verdade estas pessoas são aquelas que aprendem fazendo as coisas, elas saem montando o armário, ao invés de ler as instruções antes. O método tradicional de aprendizado de idiomas privilegia um tipo em detrimento do outro. Por isso alguns alunos são rotulados como maus alunos, ou seja, aqueles “que não têm jeito pra línguas. E agora... QUAL É SEU TIPO?

Linugox
Tuesday, July 2

Diferenças entre I e ME em Inglês


Hello, averyone !!

Dando uma surfada na Internet atrás de material para o Blog, encontro um artigo que fala sobre The Bachelorette, um reality show muito popular nos Estados Unidos, onde uma moça tem que escolher um pretendente entre 25 rapazes com o objetivo de ficar noiva no fim do programa.
Eu cheguei a ver alguns episódios antigos, e às vezes leio o fórum do programa e, principalmente, as recaps no site Television Withouth Pity. Morro de rir com a tiração de sarro no fórum e nas recaps, e percebo também que os americanos ficam inconformados com errinhos de inglês que volta e meia são cometidos pelos participantes.
O artigo que encontrei lista os errinhos mais comuns, e achei que seria uma ótima oportunidade de dar uma revisada no assunto com vocês.

“I” é sujeito

Olha só estes exemplos de frases ditas por participantes (por muitos participantes diferentes em várias edições do programa):

“Everything feels good with Jillian and I right now. Everything feels good.”
“Today is all about Michelle and I.”
Viu a parte em itálico? Qual o problema? É que “Jillian and I” e “Michelle and I” não são os sujeitos destas sentenças. I é um pronome sujeito, 
O pronome I deve fazer parte do sujeito da sentença, como em “I like you” ou “Michelle and I are going to the park”.
Nas sentenças ditas no programa, “Jillian and I” e “Michelle and I” tem função de objeto, e não sujeito, certo? É aí que entrariam os pronomes objeto – neste caso, o me:
“Everything feels good with Jillian and ME right now. Everything feels good.”
“Today is all about Michelle and ME.”
“ME” é objeto
Mais exemplos da confusão feita por participantes do The Bachelorette:
“While you guys go find tequila, me and Jake are going to go for a little trip.”
“I feel like after talking to Mike tonight, him and I have a lot more in common.”
Me and Ashley were horrified to find out we had the two-on-one date.”
Deu pra ver o erro nas sentenças acima? Aqui aconteceu o contrário: os participantes usaram ME, e depois HIM, no sujeito das sentenças. Esses dois aí, assim como HER, THEM e US, não são sujeito de ações… são apenas objetos ;)

Veja como ficam as sentenças escritas da maneira correta:
“While you guys go find tequila, Jake and I are going to go for a little trip.”
“I feel like after talking to Mike tonight, he and I have a lot more in common.”
Ashley and I were horrified to find out we had the two-on-one date.”
Obs.: Veja que quando “I” faz parte do sujeito juntamente com um nome próprio ou outro pronome sujeito, ele sempre vem na segunda posição. Exemplos: Jack and I went…; She and I did…; My brothers and I ate…; Mom and I visited…

Que tal dar uns exemplos seus? 
My friends and I took a trip last September. 
This place belongs to me and my family.

 
Ir ao TOPO!