Procurando...

Todos nós nascemos equipados para aprender um idioma. Algumas pessoas demoram mais para aprender, mas em algum momento elas aprendem. Nós temos diferentes tipos de inteligência, um bom professor vai assegurar-se de que o método utilizado dê, a todos os tipos de aprendizes, as chances necessárias de aprender do seu jeito próprio. Algumas pessoas são do tipo visual verbal (aprendem lendo), algumas são do tipo não-verbal/pictórico (aprendem melhor a partir de diagramas e fluxogramas, imagens), algumas são auditivas (aprendem ouvindo), algumas são cinestésicas (aprendem fazendo), essas pessoas têm que fazer alguma coisa enquanto estão estudando, pode ser um desenho ou fazendo anotações. Na verdade estas pessoas são aquelas que aprendem fazendo as coisas, elas saem montando o armário, ao invés de ler as instruções antes. O método tradicional de aprendizado de idiomas privilegia um tipo em detrimento do outro. Por isso alguns alunos são rotulados como maus alunos, ou seja, aqueles “que não têm jeito pra línguas. E agora... QUAL É SEU TIPO?

Linugox
Tuesday, June 18

A Tonga da Mironga do Cabuletê


Essa frase sempre me impressionou pela sua sonoridade, e quando decidi morar no Brasil, foi uma dos primeiros significados que eu quis aprender ao chegar aqui.

Mais para minha surpresa, foi muito difícil saber seu significado, já que a maioria das pessoas as que eu perguntava, não tinham a menor ideia do que esse frase significava, e sendo extranhamente o nome de uma famosa música que Vinicius de Moraes gravou junto a Toquinho lá nos inícios dos anos 80. 

Perguntando sempre, um dia cheguei a ter essa resposta que eu desejava, na boca de um amigo Baiano (obg. Luiz) que com muitos detalhes me explicou seu significado. Vamos lá !!

A atriz baiana Gesse Gessy, casada com Vinícius de Moraes, foi quem apresentou a ele a cultura do Candomblé, apresentando-o à Mãe de Santo Menininha do Gantois. 

Foi esta mulher, de origem africano, que para divertir a Vinicius foi ensinando-lhe xingamentos em Nagô, entre eles a famosa frase “Tonga da Mironga do Cabuletê”, que significa “o pêlo do cu da mãe”. Esse mote anal e seu sentimento de rebeldia para com as forças armadas desse momento (ditadura) inspiram ao poeta na criação da música que levaria esse mesmo nome. 

Com Toquinho, Vinícius compõe a canção para apresentá-la no Teatro Castro Alves. Era a oportunidade de xingar os militares sem que eles compreendessem a ofensa. E o poeta ainda se divertia com tudo isso: “Te garanto que na Escola Superior de Guerra não tem um milico que saiba falar nagô”, sempre repetia Vinicius.

Bom, esse é o significado e o origem da famosa TONGA DA MIRONGA DO CABULETÊ, criação musical de Vinicius e Toquinho, inspirado num xingamento do dialeto africano NAGÓ.

Obg e até mais !!

Hugo



 
Ir ao TOPO!